terça-feira, 4 de abril de 2017

NOTÍCIAS DA IGREJA: PAPA FRANCISCO

Vaticano: Papa destaca
«confessionário como lugar de evangelização»



Cidade do Vaticano (Ecclesia) – O Papa recebeu no dia 17 de março em audiência, no Vaticano, os participantes num curso da Penitenciária Apostólica da Santa Sé e propôs “o confessionário como lugar de evangelização”.

Para o Papa, a confissão é uma “escola” que se prolonga por toda a vida e quem quiser desempenhar bem esta missão tem de ter presentes pelo menos três critérios: “a oração, o discernimento e o confessionário como lugar de evangelização”.

É uma oportunidade para a Igreja Católica sair em busca das “periferias do mal e do pecado” para aí “discernir o que é mais necessário” para as pessoas, para quem naquele momento busca a reconciliação e o “amor de Deus”, ou orientação para retomar o seu “caminho espiritual”.

Neste contexto, “o confessionário torna-se assim num lugar de formação”, apontou Francisco, que incentivou os participantes do curso da Penitenciária Apostólica a serem “bons confessores, imersos na relação com Cristo” e a nunca desperdiçarem uma “ocasião para evangelizar”.

 

Vaticano: Papa desafiou católicos 
a mostrar amor pelos «últimos» e mais necessitados



Cidade do Vaticano (Ecclesia) – O Papa Francisco disse  no Vaticano que os católicos devem mostrar um amor verdadeiro pelos “últimos” e os mais necessitados, durante um encontro com peregrinos de todo o mundo, incluindo grupos de Portugal.

“É o próprio Deus que, fazendo morada no nosso coração e na nossa vida, continua a fazer-se próximo e a servir os que encontramos todos os dias no nosso caminho, a começar pelos últimos e os mais necessitados”, assinalou, durante a audiência pública semanal que decorreu na Praça de São Pedro.

Francisco assinalou ainda a importância do tempo da Quaresma, em preparação para a Páscoa, desafiando os peregrinos a “ir ao encontro dos irmãos, sobretudo os que têm necessidade de amor e de apoio concreto”.

“Mais grave do que o ódio é o amor vivido com hipocrisia: é egoísmo mascarado e travestido de amor”, afirmou o pontífice.

Francisco saudou os participantes no congresso promovido pelo Movimento dos Focolares, por ocasião do seu 50.º aniversário de fundação, e concluiu a sua intervenção com conselhos para a vivência da Quaresma, dirigidos aos mais novos.

“Jejuai não só das comidas, mas sobretudo dos maus hábitos, caros jovens, para adquirirdes maior domínio sobre vós mesmos”, disse.

 

Papa visitará Egito nos dias
28 e 29 de abril: a alegria dos coptas



O Papa Francisco fara uma visita apostólica ao Egito nos dias 28 e 29 de abril.


Para ver mais detalhes, basta acessar: http://br.radiovaticana.va/news/2017/03/18/papa_visitar%C3%A1_egito_dias_28_e_29_abril_a_alegria_dos_coptas/1299651



Papa Francisco propõe três aspectos
para um bom sacerdote confessor

 

1. O bom confessor é amigo de Jesus Bom Pastor
2. O bom confessor é um homem do Espírito e do discernimento
3. O confessionário é um verdadeiro lugar de evangelização



Pais 'se auto-exilaram da educação
dos próprios filhos', diz o Papa



Durante a tradicional catequese na praça de São Pedro, Francisco ressaltou a “vocação natural” da família na educação dos próprios filhos. “Chegou a hora de os pais e as mães voltarem do seu exílio e recuperarem a sua função educativa.”


Audiência:
amar como Deus nos ama, sem hipocrisia.


O grande mandamento que Jesus deixou é amar a Deus e o próximo como a nós mesmos. “Somos chamados ao amor, à caridade. Esta é a nossa vocação mais sublime, a nossa vocação por excelência”, recordou Francisco.

Todavia, na Carta aos Romanos o Apóstolo nos adverte para um risco: de que o nosso amor seja hipócrita. “A hipocrisia pode se insinuar de várias maneiras, inclusive no nosso modo de amar”, alertou o Papa. Isso se verifica quando somos movidos por interesses pessoais, quando fazemos caridade para ganhar “visibilidade”, por amor interesseiro ou um “amor de novela”.

A caridade não é uma criação humana. Pelo contrário, é antes de tudo uma graça; não consiste em mostrar aquilo que não somos, mas aquilo que o Senhor nos doa.



Título de honoris causa em
Medicina ao Papa: “Um Médico das Almas”



O anúncio foi feito há 10 dias pelo reitor da universidade, Aurelio Tommasetti, e pelo diretor do Departamento de Medicina, Mario Capunzo, durante um convênio dos médicos católicos em Baronissi. O evento sobre a humanização da medicina foi promovido pela Associação dos Médicos Católicos Italianos e pela Escola Médica de Salerno, a mais antiga do gênero no mundo.

O título de honoris causa é entregue a personalidades que tenham se destacado em determinada área do conhecimento, sem que necessariamente possuam um diploma universitário. (AC)


http://br.radiovaticana.va/news/2017/03/28/t%C3%ADtulo_de_honoris_causa_em_medicina_ao_papa/1301841



Jornal Online “A Voz de Lourdes” – Abril de 2017

Compilação e Edição: Sérgio Bonadiman - Revisão e Publicação: Dermeval Neves
Responsabilidade: PASCOM Paróquia Nossa Senhora de Lourdes - Vila Hamburguesa – SP
Site da Paróquiahttp://www.pnslourdes.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário