domingo, 5 de outubro de 2014

NOTÍCIAS DA ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO

III Assembleia Extraordinária do Sínodo dos Bispos

No dia 8 de outubro de 2013, o papa Francisco convocou a III Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos, que terá como tema: "Os desafios pastorais da família no contexto da evangelização"

Desde então, a Secretaria Geral do Sínodo deu início à preparação mediante o envio de um DocumentoPreparatório com um questionário que suscitou uma vasta resposta por parte de católicos do mundo inteiro.

Considerando a amplitude e complexidade do tema, o Santo Padre definiu um itinerário de trabalho em duas etapas, que constitui uma unidade orgânica, como ressalta o Instrumentum Laboris (Instrumento de Trabalho) do Sínodo:

- Na Assembleia Geral Extraordinária de 2014, os padres sinodais avaliarão e aprofundarão os dados, os testemunhos e as sugestões das Igrejas particulares, com a finalidade de enfrentar os novos desafios sobre a família.

- A Assembleia Geral Ordinária de 2015, mais representativa do episcopado, inserindo-se no precedente trabalho sinodal, meditará ulteriormente sobre as temáticas abordadas para encontrar adequadas linhas de ação pastorais.

 Oração à Sagrada Família
(pelo Sínodo extraordinário de outubro de 2014)

Jesus, Maria e José, em vós contemplamos
O esplendor do verdadeiro amor;
A vós nos dirigimos com confiança.
Sagrada Família de Nazaré,
Fazei também de nossas famílias
Lugares de comunhão e cenáculos de oração,
Escolas autênticas do Evangelho
E pequenas Igrejas domésticas.
Sagrada Família de Nazaré, que as famílias
Nunca mais experimentem o fechamento e a divisão:
Que todos os feridos ou escandalizados
Conheçam logo a consolação e a cura.
Sagrada Família de Nazaré,
Que o próximo Sínodo dos Bispos
Ajude a recuperar em todos a consciência
Do caráter sagrado e inviolável da família,
E da sua beleza no plano de Deus.
Jesus, Maria e José,
Ouvi e atendei a nossa súplica!

FILME CONTA A HISTÓRIA DE IRMÃ DULCE

Em novembro, estreia nos cinemas o filme “Irmã Dulce”, que conta a emocionante história da religiosa brasileira que foi indicada ao Prêmio Nobel da Paz, chamada em vida de “Anjo Bom da Bahia” e beatificada pela Igreja em 2011 com o título de Dulce dos Pobres.

Dirigido por Vicente Amorim, o filme mostra que único objetivo de Irmã Dulce era confortar os necessitados, cuidar dos doentes, amparar os miseráveis – a qualquer custo, com a ajuda de quem fosse. Capaz de atravessar Salvador de madrugada para dar colo a um menino de rua ou de pedir verba a um político em pleno palanque, Irmã Dulce enfrentou inimigos externos – o preconceito, o machismo – e um interno: uma doença respiratória incurável. Passou por eles com obstinação, alegria, amor e fé e construiu uma obra que, até hoje, só cresce, como cresce a devoção por ela.

No filme, Irmã Dulce é interpretada em diferentes fases de sua vida pelas atrizes Bianca Comparato e Regina Braga. Também fazem parte do elenco atores como Gracindo Jr., Zezé Motta, com participações de Irene Ravache e Glória Pires.



Jornal Online “A Voz de Lourdes” – Outubro 2014
Compilação e Edição: Sérgio Bonadiman - Revisão e Publicação: Dermeval Neves
Responsabilidade: PASCOM Paróquia Nossa Senhora de Lourdes - Vila Hamburguesa - SP
Site da Paróquia: http://www.pnslourdes.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário